SAMSUNG CAMERA PICTURES

Sindimetal Maringá participa de reunião do comitê gestor de Logística Reversa em Curitiba

O Sindimetal Maringá marcou presença na 8ª reunião do comitê gestor  da Logística Reversa do Setor Metalmecânico que aconteceu no último dia 16 de maio em Curitiba.

A reunião  teve por objetivo esclarecer questões relacionadas ao Plano de Logística Reversa do setor, sanando dúvidas quanto à forma de atender ao Termo de Compromisso assinado pelos sindicatos.

O coordenador de Resíduos Sólidos da Secretaria do Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Paraná (SEMA), Vinicio Bruni, foi a autoridade convidada para participar.  Bruni ressaltou que “em primeiro lugar, é preciso que haja uma integração entre os sindicatos que representam o setor com o propósito de criar um cronograma de trabalho, formulando um projeto de logística reversa com informações entre as quais: os produtos colocados no mercado pelas empresas, o gerenciamento deste material no final da sua vida útil, e posteriormente, informações sobre os resultados do trabalho”.

Segundo Bruni, os dados encaminhados pelo setor produtivo à SEMA vão ser lançados em um programa que transformará os relatórios obtidos pela indústria num mapa eletrônico, cujo objetivo será acompanhar a evolução do trabalho de cada segmento da cadeia produtiva, considerado o Plano Estadual de Resíduos.

“Hoje, as empresas ainda veem a logística reversa como um problema, porém, ela precisa ser encarada como um negócio que tenha por objetivo dar destinação correta para o produto, satisfazendo as exigências das leis vigentes no país e criando, sobretudo, oportunidades de ganho com a coleta desses resíduos. Mas, para que isso aconteça, é preciso diálogo e bom senso entre todos os envolvidos”, finaliza.


 

Indústrias Associadas:

As indústrias associadas ao Sindimetal estão recebendo o Certificado referente a Logística Reversa. Este certificado é uma ação do Sindimetal Maringá, com os Sindimetais do Paraná que tem o objetivo de certificar que estas são  participantes do Sistema de Logística Reversa que o setor metalmecânico do Paraná mantém com a SEMA.
Em 13/08/2015 foi instituído Conselho Gestor da Logística Reversa para esta cadeia produtiva e, a partir de então, as entidades estão trabalhando nas ferramentas para a implantação da Logística Reversa no setor.
Portanto, o setor demonstra empenho e vontade de realizar um bom trabalho através da criação do Plano de Logística Reversa, mas, muitas são as dúvidas. Os sindicatos estão abertos para compartilhar experiências e, acima de tudo, contam, essencialmente, com apoio e sugestões de todos para a construção e o avanço deste processo.