lab aberto

Pequenas empresas têm acesso a recursos para projetos em metalmecânica

Ideias inovadoras de pequenas empresas podem ser apresentadas pela internet até o final de agosto para o Laboratório Aberto em Metalmecânica do Senai, localizado em Maringá. A empresa propõe a ideia, o Senai auxilia com consultoria técnica, espaço e equipamentos, e o Sebrae, com recursos e consultoria de gestão.

Os projetos devem ter orçamento máximo de R$ 30 mil. Desse total, o Sebrae entra com 70% dos recursos e a empresa, com 30%. O crédito é disponibilizado pelo Sebrae, a partir do programa SIBRATECShop do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

Por meio do laboratório, a pequena empresa ou microempreendedor individual têm acesso a suporte técnico, a consultores de gestão e pode utilizar equipamentos para construção de protótipos mecânicos e eletrônicos de novos produtos. “O diferencial do laboratório na atuação nos projetos é acelerar a colocação de um produto de melhor qualidade no mercado, mais bem-acabado”, explica o gestor do laboratório de Maringá, Adilson Jenck. Ele exemplifica com o caso de uma empresa que queria construir um robô para o disparo de mensagens de voz por meio de uma rede interna conectada em wi-fi. O laboratório entrou com os recursos para materiais, a mentoria técnica e a prototipagem em impressora 3D, e a empresa, com a solução eletrônica e o software para construção do robô.

Para ter acesso ao laboratório e aos recursos, a empresa deve preencher o cadastro e submeter a ideia à aprovação pelo site www.lababerto.com.br
Fonte: Fiep PR